NOTÍCIAS

Anglo prevê obter em breve licença para projeto de cobre no Peru

9 de julho de 2012

rnA Anglo American espera obter “o mais rápido possível” as licenças necessárias para iniciar a construção de seu projeto de cobre Quellaveco de cerca de 3 bilhões de dólares no Peru, depois d

rn

A Anglo American espera obter “o mais rápido possível” as licenças necessárias para iniciar a construção de seu projeto de cobre Quellaveco de cerca de 3 bilhões de dólares no Peru, depois de superar a questão da disponibilidade hídrica, disse nesta segunda-feira o principal executivo da empresa no país.

rn

Quellaveco, um dos principais projetos da Anglo no Peru, o segundo maior produtor mundial de cobre, produziria 220 mil toneladas do metal por ano.

rn

“Estamos em processo de diálogo, buscando algumas permissões que estão relacionadas de alguma forma. O que nós esperamos é que isso seja feito o mais rápido possível; dependendo do tempo em que isso seja feito, poderemos começar (a construção)”, disse à Reuters o presidente da mineradora no Peru, Luis Marchese.

rn

“Temos disponibilidade de água, estamos conseguindo mais duas ou três autorizações que são necessárias para a construção no Minem (ministério de Minas e Energia)”, acrescentou.

rn

A questão da água é vital para os planos de mineração no Peru, mas gerou ressentimento entre os vizinhos. Os moradores de áreas próximas às jazidas tendem a ser severos opositores de seu desenvolvimento, pois temem ficar sem água para atividades agrícolas.

rn

Marchese disse que a Anglo American mantém sua meta de iniciar a construção de Quellaveco neste ano, localizado na região sul de Moquegua, trabalho que se estenderia por cerca de 44 meses.

rn

 

Fonte: Reuters

Compartilhe:

LEIA TAMBÉM



Alcoa apoia desenvolvimento em Inglês para alunos do Senai Juruti

10 de dezembro de 2018

Estudantes do Programa de Formação de Operadores e Operadoras (PFO) e de cursos técnicos do Serviço Nacional de Aprendizagem Industrial…

LEIA MAIS

Projeto de terras-raras vai produzir 5 mil toneladas por ano em Goiás

13 de novembro de 2017

A Mineração Serra Verde (MSV) trabalha para produzir anualmente 5 mil toneladas de concentrado de terras-raras no projeto que possui…

LEIA MAIS

Redes e Imerys capacitam fornecedores em projetos sociais

8 de outubro de 2018

Com o objetivo de fomentar a capacitação de fornecedores locais, as indústrias paraenses têm buscado, cada vez mais, a parceria…

LEIA MAIS