NOTÍCIAS

AngloGold Ashanti aprimora frota de subsolo

14 de janeiro de 2019

Dois novos jumbos, com investimento de R$ 10 milhões, foram adquiridos para operações de Minas Gerais

Cerca de R$ 10 milhões foram investidos pela AngloGold Ashanti na aquisição de dois jumbos – modelos DD321-40C e Boomer M2C – para as operações da empresa em Santa Bárbara (Córrego do Sítio) e em Sabará (Cuiabá), ambas em Minas Gerais. Os novos equipamentos contribuirão para melhorar os indicadores de produtividade e qualidade do processo nas frentes de desenvolvimento.

O primeiro deles, o DD321-40C, foi adquirido em julho de 2018 para Córrego do Sítio e já apresenta melhorias nos indicadores de rendimento de fogo e de redução do overbreak. Em síntese, irá permitir uma ampliação da metragem na rampa Carvoaria e nas frentes desse corpo, o principal da unidade. “Ele também vai aumentar a disponibilidade e confiabilidade da frota de jumbo, além de prover uma melhor produtividade e qualidade de perfuração, uma vez que virá com uma tecnologia embarcada superior aos demais equipamentos em operação”, explica Renato de Castro, diretor de Operações Córrego do Sítio.

Com a aquisição, a unidade em Santa Bárbara passa a dispor de quatro jumbos de perfuração de frente e três jumbos de contenção. As inovações tecnológicas do DD321-40C são muitas. Um exemplo é o Sistema TCAD, que permite ao operador visualizar pelo monitor da cabine de operação o plano de perfuração com os ângulos planejados, promovendo mais precisão e qualidade para o trabalho. Ao final, um relatório compara o planejado com o realizado, o que ajuda nas análises sobre a perfuração e o rendimento da frente.

A mesma estratégia de reformulação da frota de jumbos foi executada na unidade em Sabará, com a aquisição do novo jumbo em outubro de 2017. Quem explica é Ricardo Assis, diretor de Operações Cuiabá. “O novo Boomer M2C – JE39 permitiu a aumento da metragem de desenvolvimento das rampas principais com auxílio da tecnologia de automação embarcada e do comprimento de perfuração. A expectativa é que o equipamento aumente a nossa produtividade, já que o sistema automatizado faz a leitura da navegação, traça o ponto, perfura e ainda emite um relatório sobre a qualidade da perfuração realizada”, analisa.

O Boomer M2C possui um comprimento das lanças 30% maior do que os equipamentos atuais, o que permitirá um aumento na metragem desenvolvida, além de assegurar uma maior qualidade de perfuração nas frentes de desenvolvimento. Com ele, a Unidade passa a dispor de três jumbos de perfuração de frente e quatro jumbos de contenção.

Sobre a AngloGold Ashanti

Uma das maiores produtoras de ouro do mundo no Brasil, a empresa possui minas e plantas metalúrgicas e de beneficiamento distribuídas nos estados de Minas Gerais e Goiás. Seus negócios englobam 13 operações em nove países, gerando mais de 60 mil empregos. A AngloGold Ashanti tem sede em Johanesburgo, na África do Sul, e suas ações são negociadas nas bolsas de Johanesburgo, Nova York, Austrália e Gana.

Com mais de 4 mil empregados diretos, as operações brasileiras respondem por 15% da produção global de ouro do grupo e estão entre as mais avançadas do mundo no campo da tecnologia de mineração, pela excelência dos equipamentos e processos utilizados e pelo desenvolvimento de soluções de engenharia para a atividade de mineração em subsolo.

Compartilhe:

LEIA TAMBÉM



Alubar prioriza fornecedores do Pará

10 de abril de 2018

Em 2017, a maior parte dos investimentos da Alubar com compras e serviços foi aplicada no Pará. A fábrica, líder…

LEIA MAIS

Royalty: mineradoras recolhem mais CFEM em 2018

5 de abril de 2018

A arrecadação da Compensação Financeira pela Exploração de Recursos Minerais (CFEM), considerada o royalty da mineração, totalizou R$ 211 milhões no mês…

LEIA MAIS

Gerdau apoia workshop do projeto Gustavo Penna 73/23

19 de novembro de 2018

Hoje e amanhã (19 e 20 de novembro), a Escola de Arquitetura e Urbanismo da PUC Minas – Poços de…

LEIA MAIS