NOTÍCIAS

Artigo: O futuro passa pela inovação

28 de janeiro de 2013

rnFuncionários devem estar conscientes de seu papel na empresarnA economia mundial vivencia um período de crescimento desde 1994, pontuado por crises curtas, mas profundas e importantes, como as de 1998, 2001 e principalmente a de 2008-

rn

Funcionários devem estar conscientes de seu papel na empresa

rn

A economia mundial vivencia um período de crescimento desde 1994, pontuado por crises curtas, mas profundas e importantes, como as de 1998, 2001 e principalmente a de 2008-2009. Estamos à beira de uma nova movimentação nos mercados, logo somos chamados a refletir sobre a importância de questões como um bom sistema de educação, a necessidade de governos comprometidos com o bem público e uma indústria carente de melhorias. O percentual de indústrias brasileiras inovadoras cresceu 21%, saindo de 31,5% (em 2000) para 38,1% (em 2008), segundo o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE). Esse percentual é o maior já registrado pelo levantamento, no entanto, devemos perceber que há uma acomodação entre as empresas pesquisadas, pois aquelas que implementaram um produto e/ou processo novo refletem a dificuldade de rompermos a barreira dos 40% desde então.

rn

Um dado que corrobora essa tese é o aumento do número de pedidos de patentes. Em 2011, as solicitações brasileiras chegaram a 442, de acordo com dados da Organização Mundial da Propriedade Intelectual (Ompi). Esse é um indício de que estamos buscando desenvolver um novo modelo industrial mais voltado para a geração de valor. O governo federal está buscando fazer a sua parte. A criação de planos de atuação multissetoriais como o Plano Brasil Maior, demonstra a preocupação visando o incentivo à inovação e ao desenvolvimento tecnológico do país. A expectativa é de que o percentual de inovação na indústria nacional obtenha um ganho exponencial nos próximos anos. Mais um indício de alteração de comportamento do empresariado é a mudança na forma de gestão das empresas. Há urgência em adoção de práticas que tornem as organizações mais ágeis e eficazes.

rn

Outro estímulo à evolução do modus pensandi do empresariado está relacionado ao perfil de contratação: a maioria deles são legítimos representantes da geração Y, jovens que valorizam a comunicação clara sobre a visão e a missão da empresa para alinhar o trabalho de cada um no conjunto. Somente os superiores que atuam como coaches ganham o respeito e a admiração dessas pessoas e acabam elevando o potencial criativo de suas empresas.

rn

Além do ponto de vista comportamental, a geração Y tem uma característica que a define. Trata-se de uma geração que tem mais conhecimento do que as anteriores na área da tecnologia. Tendo passado a infância rodeadas por aparelhos eletrônicos, as pessoas dessa geração vivem de maneira dinâmica, captando os acontecimentos em tempo real e se conectando com uma variedade de pessoas, podendo construir uma visão sistêmica do mundo e contribuir para os processos de inovação que tanto precisamos.

rn

Funcionários mais conscientes de seu papel e empresas mais preocupadas com inovação e focadas no desenvolvimento sustentável. Esse é o cenário atual. Quem não pegar o bonde vai ficar pelo caminho. Afinal, como disse uma vez o educador Paulo Freire, “não há ninguém que tudo saiba, nem ninguém que nada saiba. Tudo se resume a uma troca de saberes.”

rn

 

rn

 

rn

 

Fonte: Estado de Minas

Compartilhe:

LEIA TAMBÉM



NLMK participa da M&T Expo 2018

29 de outubro de 2018

A siderúrgica NLMK vai participar da edição de 2018 da MT&Expo, Feira Internacional de Equipamentos para Mineração e Construção, que…

LEIA MAIS

Vale celebra recepção ao visitante 100 mil do Programa de Visitas Vale Conhecer ​

3 de dezembro de 2018

A Vale celebrou no dia 27 de novembro a recepção ao vi​sitante 100 mil, dentro do seu Programa de Visitas Vale…

LEIA MAIS

IBRAM renova liderança e defende protagonismo do setor

21 de janeiro de 2019

Com grande experiência nos setores público e privado, Jerson Kelman assume a presidência do IBRAM; presidente do Conselho, Luiz Eduardo…

LEIA MAIS