NOTÍCIAS

As conexões entre os fatos de hoje e as tecnologias de amanhã

14 de janeiro de 2019

Revista Época Negócios destacou a “A extração da Inovação”. A iniciativa surgiu de uma parceria entre as principais mineradoras brasileiras e o Instituto Brasileiro de Mineração (IBRAM)


Ineditismo: Mineradoras se unem para criar aceleradora que resolva problemas comuns do setor.

Para manter competitividade e resolver problemas comuns, mineradoras concorrentes se juntam para criar uma aceleradora de startups

Em 2017 o Brasil exportou mais de R$ 28 bilhões em minério – um terço acima da 2016. Laços tão fortes com o mundo exigem que o setor responda rapidamente à crescente pressão por preços competitivos, o que requer processos eficientes e práticas mais assertivas para diminuir o impacto na natureza.

Doze grandes mineradoras, algumas concorrentes, se uniram para criar o Mining Hub, aceleradora que vai selecionar startups que irão propor soluções para desafios comuns ao setor.“Cada empresa estava focada em suas especificidades”, diz o coordenador da iniciativa, Gustavo Roque, gerente de gestão e inovação da Ferrous. “Agora o processo será mais rápido e eficiente”.

Durante quatro meses, as startups escolhidas, lideradas por executivos de empresas como Vale, Gerdau e ArcelorMittal, vão desenvolver tecnologias para cinco desafios fundamentais (veja quadro). As soluções poderão ser contratadas pelas mineradoras e seus fornecedores. Em 11 de janeiro chegará ao fim essa primeira etapa, e as inscrições serão abertas novamente no site www.mininghub.com.


Compartilhe:

LEIA TAMBÉM



Votorantim Cimentos apoia projeto de resgate histórico-cultural em Corumbá (MS)

17 de dezembro de 2018

Projeto “Todo Lugar tem uma História para Contar”, do Museu da Pessoa, reuniu histórias de vida dos moradores que impulsionou…

LEIA MAIS

Exportação de pelotas aumenta 14,2% de janeiro a setembro

23 de novembro de 2017

Foram exportadas 22,5 milhões de toneladas de pelotas nos nove meses deste ano A exportação de pelotas, feita pela Vale,…

LEIA MAIS

MINÉRIO DE FERRO: Preço tem leve alta no mercado futuro

1 de novembro de 2017

O contrato mais negociado no mercado futuro de minério de ferro, na China, com vencimento em janeiro de 2018, passou de 428 para 429,5 iuanes, ou US$ 65,09 a tonelada, de acordo com o câmbio.

LEIA MAIS