NOTÍCIAS

Carajás certifica mais 177 empregados operacionais

30 de junho de 2015

Mais 177 empregados operacionais de Carajás ingressaram, este mês, no grupo de profissionais com capacitação técnica atestada pelo Programa de Certificação Vale. Todos passaram na avaliaçã

Mais 177 empregados operacionais de Carajás ingressaram, este mês, no grupo de profissionais com capacitação técnica atestada pelo Programa de Certificação Vale. Todos passaram na avaliação teórica e prática do programa e foram certificados durante solenidades realizadas no Cineteatro de Carajás. Entre os novos certificados estão operadores de britagem, filtragem, perfuratriz, peneiramento, de caminhão fora de estrada, escavadeira, carregadeira, tra​tor de esteira, vulcanizadores, além de técnicos de processo, elétrica, mecânica de mina e sala de controle.

rn

Carajás é pioneira na implantação do programa no Pará e, desde 2014, realiza a certificação do seu público técnico-operacional, com base no nível de conhecimento nas respectivas áreas de atuação. Dessa vez, o maior número de certificados foi de vulcanizadores: 78 profissionais, que não esconderam a satisfação com a conquista.

rn

“Eu não tinha noção do que era o trabalho de um vulcanizador. Aprendi tudo aqui e o certificado agrega mais conhecimento”, comentou Bruno Alex Frazão Silva, 28 anos, desde 2010 na empresa.

rn

Único a receber o certificado de Técnico Eletricista de Execução de Usina, Glaydson Duarte encarou as provas como uma oportunidade de reavaliar os conhecimentos. Feliz com o resultado, ele diz que “ficou mais motivado” com a valorização recebida. “Quero continuar participando de treinamentos internos e pretendo cursar Engenharia Elétrica”, adiantou.

rn

As solenidades de certificação reuniram gestores, orientadores técnicos e familiares dos empregados. O gerente da Usina de Carajás, Herbert Viana, aproveitou o momento para reiterar o compromisso da Vale com a educação e o desenvolvimento dos empregados: “A empresa está do lado de cada empregado que deseja estudar e a certificação técnica é um ganho não só para a Vale e o empregado, mas para a sociedade, pois atesta que o profissional conhece e está apto a exercer a função”.

rn

Como funciona o programa

rn

Carajás implantou o programa em 2014, quando 11 empregados receberam a certificação. Entre eles, está Luiz André Cavalcante de Lima, que obteve o certificado de Técnico de Controle de Processos de Usina e foi o primeiro contemplado pelo Programa de Certificação Vale no estado do Pará. Com as novas turmas deste mês, a unidade já possui 188 empregados certificados.

rn

Para receber a certificação, o empregado passa por uma prova de avaliação inicial, que inclui questões específicas da área, mais português, matemática, saúde e segurança e meio ambiente. Quem obtém 70% de aproveitamento é encaminhado para a avaliação técnica (teoria e prática) e deve obter pelo menos 80% de aproveitamento. Quem não consegue atingir o mínimo para aprovação, em qualquer uma das avaliações, é encaminhado para treinamento.

rn

 

rn

 

 

Fonte: Vale

Compartilhe:

LEIA TAMBÉM



MCTIC lança consulta pública sobre Plano de Ação em Ciência, Tecnologia e Inovação para Minerais Estratégicos

1 de outubro de 2018

O Ministério da Ciência, Tecnologia, Inovações e Comunicações (MCTIC) lançou na última quinta-feira (27) consulta pública sobre o Plano de…

LEIA MAIS

Instituto Alcoa promove formação de professores em escolas públicas de Juruti

10 de setembro de 2018

Em busca de conhecimentos, experiências e avanços nas atividades escolares, cerca de 40 professores de escolas públicas de Juruti e…

LEIA MAIS

Vale abre inscrições para Programa Global de Trainee

10 de setembro de 2018

Estão abertas as inscrições para o Programa Global de Trainee da Vale. São 40 vagas, das quais 23 para o…

LEIA MAIS