NOTÍCIAS

Em Curionópolis, mineradora Vale entrega Casa do Mel e beneficia famílias em Serra Pelada

13 de junho de 2017

Projeto de apicultura gera renda e beneficia famílias em Serra Peladarn

A Associação de Apicultores e Meliponicultores de Serra Pelada (Apimesp) recebeu, esta semana, a Casa do Mel. O prédio, fruto de convênio com a Vale, será utilizado como espaço para beneficiamento e envasamento dos produtos da associação. No início deste ano, os associados receberam uma centrífuga, um decantador e 100 colmeias, que também contribuirão para o aumento da produção de mel.
 
O presidente da Apimesp, Roberto Carvalho dos Santos, recebe a casa do mel como a realização do um sonho. “Com a casa do mel e os equipamentos que recebemos, nós teremos maior produção e menor tempo de colheita de mel. E isso tudo vai ser muito positivo, contribuindo com a renda das famílias que estão participando do projeto”, destaca.
 
João Coral, gerente executivo de relacionamento com comunidades da Vale, ressaltou a importância desta iniciativa para a comunidade de Serra Pelada. “Aqui, vocês são os empreendedores. E vocês, que estão iniciando este trabalho, sejam perseverantes. A gente acredita muito nesse projeto e esperamos que ele não traga apenas renda, mas também educação para a comunidade”, destacou.
 
Para o diretor técnico da Vale, Paulo Horta, o projeto de apicultura é fruto do protagonismo da comunidade. “Este projeto é muito bonito. Aqui nós temos jovens e pessoas mais velhas, que não tinham uma fonte de renda, se unindo. E nós, a Vale, estamos contribuindo com o que é possível. Mas, o mais importante, é a vontade deles. Nós podemos contribuir e fornecer os meios para eles possam se desenvolver enquanto empreendedores, mas a vontade de seguir trabalhando é deles”, reforça.
 
Iniciado em 2015, o projeto de apicultura foi apontado, pela comunidade, como uma alternativa para a geração de renda em Serra Pelada. A Vale, em parceria com a Associação dos Apicultores e Meliponicultores de El Dourado do Carajás – Apimec, promoveu a capacitação dos apicultores e a produção das primeiras colmeias para a criação dos apiários. Atualmente, o projeto beneficia 30 famílias de Serra Pelada.
Compartilhe:

LEIA TAMBÉM



Serabi aumenta reservas de ouro em 31%

12 de dezembro de 2017

A Serabi Gold disse ontem (11) que a nova estimativa de reservas minerais provadas e prováveis para as minas de…

LEIA MAIS

Fabio Schvartsman participa de evento corporativo em São Paulo

16 de abril de 2018

O diretor-presidente da Vale, Fabio Schvartsman, participou, no dia 10 de abril, do Itaú Macro Vision, evento voltado para o…

LEIA MAIS

LITOTECA DA CBPM É REABERTA

5 de outubro de 2015

Os interessados em fazer consultas em amostras de testemunhos de sondagem de projetos pesquisados pela Companhia Baiana de Pesquisa Mineral (CBPM) já podem programar visitas à Litoteca da empresa.

LEIA MAIS