NOTÍCIAS

Five Star encontra mais 2 chaminés de diamantes

24 de maio de 2017

A Five Star Mineração disse que identificou dez alvos no projeto de diamantes Veríssimo, em Goiás, sendo que dois deles são chaminés de kimberlito

A Five Star Diamonds, que tem no Brasil a subsidiária Five Star Mineração, disse que a mineradora identificou 10 alvos no projeto de diamantes Veríssimo, em Goiás, sendo que dois deles são, comprovadamente, chaminés de kimberlito, diz comunicado divulgado na semana passada.
 
"As chaminés de kimberlito V1 e V2 passaram por amostragem pela Five Star Diamonds sendo que as amostras foram processadas na planta piloto do projeto Catalão", diz a nota.
 
A amostragem em lote mostrou que a chaminé V1 hospeda diamantes. Os diamantes recuperados nessa chaminé são brancos e de alta qualidade, segundo a mineradora. "Um único furo adamantado foi concluído em cada uma das chaminés de kimberlito V1 e V2. Amostras foram coletadas e preparadas para análise de fusão cáustica e contagem de microdiamantes", afirma o comunicado.
 
A companhia diz ainda que campanhas de sondagem a trado e amostragem de indicadores de kimberlito, do tipo MiDA, vão começar nos próximos meses nos alvos V3 a V10.
 
O projeto Veríssimo foi descoberto em 2005 e adquirido pela pela Five Star Diamonds em 2015. O empreendimento fica no sudeste de Goiás, a cerca de 80 quilômetros do projeto de diamantes Catalão, da Five Star Diamonds. O projeto é composto por sete processos junto ao DNPM que cobrem 12.403 hectares.
 
Essas áreas ficam próximas de famosas regiões produtoras de diamantes no rio Veríssimo, de onde são retirados diamantes há mais de 100 anos. "Em 1906, um diamante bruto de 600 ct chamado 'Verissimo Diamond' foi encontrado perto do rio Veríssimo", diz a Five Star na nota do dia 17 de maio.
 
Até o momento, a mineradora realizou no projeto Veríssimo levantamento de superfície com uso de drones; levantamento magnético de superfície em área de 25 por 25 metros, onde ficam os alvos; uma campanha simplificada de sondagem adamantada, com 2 furos e 251 metros, em V1 e V2; e amostragem em lote simplificada para V1 e V2.
 
Notícias de Mineração Brasil
Compartilhe:

LEIA TAMBÉM



LITOTECA DA CBPM É REABERTA

5 de outubro de 2015

Os interessados em fazer consultas em amostras de testemunhos de sondagem de projetos pesquisados pela Companhia Baiana de Pesquisa Mineral (CBPM) já podem programar visitas à Litoteca da empresa.

LEIA MAIS

Instagram reúne informações para estudantes e profissionais ligados à geologia

19 de setembro de 2018

Com mais de 26 mil seguidores, o perfil @igeologico apresenta, de forma leve e didática, informações sobre o setor mineral…

LEIA MAIS

Royalty: mineradoras recolhem mais CFEM em 2018

5 de abril de 2018

A arrecadação da Compensação Financeira pela Exploração de Recursos Minerais (CFEM), considerada o royalty da mineração, totalizou R$ 211 milhões no mês…

LEIA MAIS