NOTÍCIAS

Gerdau acelera investimentos em minério de ferro e carvão

2 de maio de 2012

rnO grupo Gerdau reforçou no seu balanço publicado no início da noite dessa quarta-feira que vai elevar investimentos nas operações de produção de matérias-primas do aço, com destaqu

rn

O grupo Gerdau reforçou no seu balanço publicado no início da noite dessa quarta-feira que vai elevar investimentos nas operações de produção de matérias-primas do aço, com destaque para minério de ferro e carvão metalúrgico. São dois produtos que têm peso expressivo em seus custos de produção e continuam pressionando as margens operacionais da companhia. 

rn

 A empresa, décimo maior produtor de aço do mundo,  informou que o investimento total previsto para a área de mineração alcança R$ 838 milhões, com objetivo de atingir 11,5 milhões de toneladas de capacidade de produção anual. Esse volume vai significar aumento da ordem de 80% sobre o volume atual. 

rn

 O minério de ferro e o carvão são utilizados principalmente pela controlada Gerdau Açominas, localizada em Ouro Branco (MG). A usina é a maior do grupo. 

rn

 “Frente a esse cenário — de impacto na rentabilidade da companhia —, seguimos buscando aprimorar a nossa gestão de custos, com destaque para a produção própria de minério de ferro e de carvão mineral, assim como para o fornecimento de sucata cativa”, afirmou o presidente da Gerdau, André Gerdau Johannpeter. 

rn

 Segundo a empresa, o objetivo é alcançar a autossuficiência de minério de ferro na Gerdau Açominas. Por isso, o grupo acelera a instalação da segunda fase de investimento na exploração da matéria-prima em minas próprias na região de Ouro Branco. A capacidade atual é de 6,5 milhões de toneladas ao ano, que será dobrada com a instalação da segunda unidade de tratamento de minério. 

rn

 Esse plano contempla também estrutura logística própria, com investimentos em sistema de transporte rodoviário para facilitar o escoamento da produção. Outro projeto é um sistema de correia de longa distância, com 9 km de extensão, para levar a matéria-prima até a usina. Um terminal ferroviário, na etapa final de estudos, completa o programa superior a R$ 800 milhões. A previsão é concluir a expansão em 2014. 

rn

 A Gerdau informou ainda que leva avante seu plano  de exploração comercial da produção excedente do minério de ferro. Para isso, no momento busca um parceiro estratégico para o empreendimento.

rn

 

Fonte: Valor Econômico

Compartilhe:

LEIA TAMBÉM



27 de novembro | Dia do Engenheiro e Técnico de Segurança do Trabalho

27 de novembro de 2018

Claudia Pellegrinelli, engenheira de segurança do trabalho, está à frente do Programa de Segurança e Saúde Ocupacional na Mineração (MINERAÇÃO) desde…

LEIA MAIS

Gerdau apoia workshop do projeto Gustavo Penna 73/23

19 de novembro de 2018

Hoje e amanhã (19 e 20 de novembro), a Escola de Arquitetura e Urbanismo da PUC Minas – Poços de…

LEIA MAIS

ArcelorMittal Tubarão lança projeto para dessalinizar água do mar

21 de janeiro de 2019

O projeto demandará investimentos em torno de R$ 50 milhões, gerará cerca de 220 vagas de emprego (no pico da…

LEIA MAIS