NOTÍCIAS

Venda interna de aço cresce 2,3% em 2017

23 de janeiro de 2018

As vendas internas cresceram 2,3% em 2017 e atingiram 16,9 milhões de toneladas, de acordo com dados do Instituto Aço Brasil (IAbr). O consumo aparente nacional de produtos siderúrgicos foi de 19,2 milhões de toneladas no ano passado, um aumento de 5,3% quando comparado com o mesmo período em 2016.

A produção de aço bruto no ano de 2017 foi de 34,4 milhões de toneladas, o que representa um crescimento de 9,9%. Já a produção de laminados foi de 22,4 milhões de toneladas, uma expansão de 7,2% frente ao ano anterior.

As importações cresceram 23,9%, totalizando 2,3 milhões de toneladas. Esse volume resultou em US$ 2,2 bilhões de importação, um incremento de 32,7%.

As exportações foram de 15,4 milhões de toneladas ou US$ 8,0 bilhões no acumulado do ano de 2017, o que significa expansão de 14,3% em volume e de 43,9% em relação a 2016.

Os indicadores de produção e exportação no acumulado do ano de 2017 são impactados positivamente pelo fato de a Companhia Siderúrgica do Pecém (CSP), joint venture entre a Vale e as sul-coreanas Dongkuk e Posco, ter iniciado suas operações somente no segundo semestre de 2016. A inexistência de dados da CSP no primeiro semestre de 2016 mantém a base de comparação baixa em relação ao mesmo período de 2017, criando distorções que vão desaparecer a partir de janeiro de 2018.

Ao retirar a CSP da comparação entre o acumulado de 2017 e 2016, a produção de aço bruto cresce 5,6% (e não 9,9%) e as exportações em volume diminuem 0,3% ao invés de crescerem 14,3% no mesmo período.

Dezembro

Em dezembro de 2017, a produção brasileira de aço bruto foi de 2,8 milhões de toneladas, um acréscimo de 19,2% frente ao mesmo mês de 2016.

Já a produção de laminados foi de 1,8 milhão de toneladas no mesmo período, o que representa uma expansão de 26,6%.

O consumo aparente foi de 1,6 milhão de toneladas em dezembro, 11,5% a mais do que o registrado no mesmo mês de 2016, enquanto que as vendas internas cresceram 13,4%, totalizando 1,4 milhão de toneladas.

As importações recuaram 27,4% entre dezembro de 2017 e de 2016, para 146 mil toneladas. Entretanto, as importações aumentaram 10,5% em valor, para US$ 168 milhões.

As exportações foram de 1,5 milhão de toneladas ou US$ 865 milhões, o que representa uma alta de 14,5% em volume e de 51,8% em valor.

Notícias de Mineração Brasil

Compartilhe:

LEIA TAMBÉM



Anglo American divulga resultados de produção do terceiro trimestre

24 de outubro de 2017

A Anglo American reportou um aumento de 6% na produção total em base equivalente de cobre, em comparação com o mesmo período em 2016.

LEIA MAIS

Participe do I Seminário de Extensionismo Técnico Mineral

15 de outubro de 2018

Estão abertas as inscrições para o I Seminário de Extensionismo Técnico Mineral. O evento, promovido pela Agência Nacional de Mineração (ANM),…

LEIA MAIS

Belo Horizonte receberá seminário sobre Barragens de Rejeitos

22 de outubro de 2018

As barragens de rejeito estarão em foco na segunda edição do Seminário UK-Brazil Mining Forum. O evento será realizado em Belo…

LEIA MAIS