NOTÍCIAS

Indústria da mineração se mobiliza a favor das águas do Rio São Francisco

20 de julho de 2017

A publicação da Resolução é resultado do diálogo entre o setor industrial e a ANA

A Agência Nacional de Águas (ANA) publicou a Resolução nº 1.290/2017, na última terça-feira (18.7) que altera as regras da resolução que instituiu o “Dia do Rio” – ação criada para suspender as captações de água na bacia do rio São Francisco às quartas-feiras para todos os usos, exceto consumo humano e animal, até 30 de novembro. Nessa nova redação, as indústrias e mineradoras que captam água acima de 13 horas por dia, conforme a outorga de direito de uso de recursos hídricos emitida pela ANA, deverão reduzir em 14% o volume mensal captado. Para as indústrias e mineradoras que captam até 13 horas por dia, as captações ficarão suspensas às quartas-feiras. Estas regras valem a partir de 28 de julho.
 
A publicação da Resolução é resultado do diálogo entre o setor industrial e a ANA. Participaram da construção do consenso a Confederação Nacional da Indústria (CNI), o Instituto Brasileiro de Mineração (IBRAM), Federações de Indústria de Estados, entre outras entidades.
 
O Setor de mineração, reconhecendo a necessidade e importância do racionamento, se mobilizou para reduzir e otimizar o uso da água na bacia do Rio São Francisco, porém sem interromper o processo produtivo tão relevantes para a economia do País.
Compartilhe:

LEIA TAMBÉM



Alcoa comemora 9 anos ajudando a transformar a vida das pessoas em Juruti

24 de setembro de 2018

Desde a chegada em Juruti, a empresa já investiu mais de R$ 9,5 milhões em iniciativas voluntárias em comunidades e…

LEIA MAIS

Serabi aumenta reservas de ouro em 31%

12 de dezembro de 2017

A Serabi Gold disse ontem (11) que a nova estimativa de reservas minerais provadas e prováveis para as minas de…

LEIA MAIS

Programa de melhorias eleva produtividade e reduz custos operacionais

15 de outubro de 2018

Engajamento dos colaboradores, aumento da produtividade e otimização de custos. Esses são os diferenciais que a Imerys, detentora da maior…

LEIA MAIS