NOTÍCIAS

Indústria mineral terá US$ 53,6 bi

10 de setembro de 2015

Minas Gerais se destaca como principal minerador do país, gerando cerca de 60 mil empregosrnOs investimentos no setor mineral brasileiro projetados para o período 2014/2018 será da ordem de US$ 53,6 bilhões, segundo dados

Minas Gerais se destaca como principal minerador do país, gerando cerca de 60 mil empregos

rn

Os investimentos no setor mineral brasileiro projetados para o período 2014/2018 será da ordem de US$ 53,6 bilhões, segundo dados do Instituto Brasileiro de Mineração – IBRAM (www.ibram.org.br). Somente Minas Gerais receberá o volume de US$ 22,4 bilhões, o equivalente a 41,8% do montante de investimentos.

rn

Tais números comprovam que o Estado é o mais importante minerador do país, sendo responsável pela extração de 180 milhões de toneladas de minério de ferro por ano e por aproximadamente 53% da produção brasileira de minerais metálicos.

rn

Também é relevante citar o fato de que o Estado possui 40 das cem maiores minas do Brasil e sete das dez maiores cidades mineradoras – sendo Itabira, localizada na Região Central de Minas Gerais, a maior do país.

rn

Desenvolvimento – A mineração tem papel fundamental no desenvolvimento econômico e social dos municípios mineradores. “Minas Gerais emprega cerca de 60 mil trabalhadores na mineração. O setor tem como fator positivo a multiplicação. Cada emprego direto se multiplica para até 13 pessoas ao longo da cadeia produtiva”, afirma Cinthia Rodrigues, gerente de pesquisa e desenvolvimento do IBRAM.

rn

De acordo com Antônio Carlos Noronha Bicalho, prefeito de São Gonçalo do Rio Abaixo – um dos quase 400 municípios mineiros onde a mineração está presente, a atividade foi fundamental para o desenvolvimento da cidade. “Com a arrecadação da Compensação Financeira por Exploração dos Recursos Minerais (CFEM), a receita do município aumentou e foi possível investir em projetos de infraestrutura, meio ambiente, saúde e educação, possibilitando, assim, o crescimento e a melhoria da qualidade de vida da população”, diz Bicalho.

rn

Vale destacar que, onde há mineração, o Índice de Desenvolvimento Humano (IDH) é mais elevado. “Atualmente, a grande maioria dos municípios influenciados pela cadeia produtiva da mineração possui IDH considerado alto, entre 0,700 e 0,799”, afirma o subsecretário de Política Mineral e Energética, José Guilherme Ramos.

rn

Balança Mineral. Em 2014, a balança mineral de Minas Gerais obteve saldo de US$ 14.295,7 bilhões. As exportações do setor têm peso significativo nas transações comerciais do Estado, representando 52,8% do total exportado nesse ano.

rn

“O setor também contribui com o incremento do PIB e o aumento nas exportações. Os efeitos positivos geram impactos em toda a economia”, destaca Ramos.

rn

 

rn

 

 

Fonte: O Tempo

Compartilhe:

LEIA TAMBÉM



Participe do I Seminário de Mineração e Meio Ambiente da Bahia

19 de setembro de 2018

Estão abertas as inscrições para o “I Seminário de Mineração e Meio Ambiente da Bahia”. O evento será realizado entre…

LEIA MAIS

Vale celebra recepção ao visitante 100 mil do Programa de Visitas Vale Conhecer ​

3 de dezembro de 2018

A Vale celebrou no dia 27 de novembro a recepção ao vi​sitante 100 mil, dentro do seu Programa de Visitas Vale…

LEIA MAIS

Desafio MinerALL traz propostas de negócios a partir do aproveitamento do rejeito da mineração

17 de dezembro de 2018

Uma solução de negócio que propõe a pavimentação de baixo custo foi a vencedora do Desafio MinerALL, iniciativa que tem…

LEIA MAIS