NOTÍCIAS

Kinross registra seis milhões de horas sem acidentes

11 de agosto de 2015

Marco é resultado das ações que estimulam o comportamento seguro dos empregadosrnOs esforços para preservar a segurança operacional e dos empregados têm rendido bons resultados para a Kinross. A empresa regist

Marco é resultado das ações que estimulam o comportamento seguro dos empregados

rn

Os esforços para preservar a segurança operacional e dos empregados têm rendido bons resultados para a Kinross. A empresa registrou no início do mês de agosto um marco histórico: 6 milhões de horas/homem de trabalho (HHT) sem acidentes com perda de tempo (CPT). O número representa cerca de 395 dias trabalhados por mais de 3.200 trabalhadores da mina do Morro do Ouro, em Paracatu, no Noroeste de Minas Gerais.

rn

O recorde é reflexo de fortes ações preventivas que passaram a ser rotina das equipes em todas as áreas da Kinross. Entre as ações destacam-se as inspeções gerenciais e de equipamentos que é uma importante ferramenta de análise e controle de riscos, os Diálogos Diários de Segurança (DDS) antes do início de cada jornada de trabalho e os Diálogos Comportamentais pela Liderança. O suporte técnico da equipe de Saúde e Segurança, bem como a atuação presente da Comissão Interna de Prevenção de Acidentes na Mineração (CIPAMIN) também são fundamentais.

rn

Para o Vice-presidente e Gerente-geral da Kinross, Gilberto Azevedo, a conquista consolida cada vez mais o compromisso da empresa com um de seus principais valores: Pessoas em Primeiro Lugar. “Temos celebrado muitos marcos de segurança.  Estamos trabalhando muito para que essas conquistas se tornem cada vez mais frequentes. Os empregados têm cada vez mais buscado adotar um comportamento seguro no ambiente de trabalho”, explica.

rn

No mês de junho, a empresa registrou também um ano sem acidentes com perda de tempo (CPT).

rn

Sobre a Kinross

rn

Responsável por 25% da produção de ouro brasileira, a Kinross opera a mina Morro do Ouro em Paracatu, no noroeste de Minas Gerais, e integra a Kinross Gold Corporation, grupo canadense com presença na América do Sul (Brasil e Chile), América do Norte (Estados Unidos e Canadá), África (Gana e Mauritânia) e Eurásia (Rússia).

rn

Após o início de seu processo de expansão em 2006, a Kinross elevou a capacidade de lavra de minério para 61 Mtpa, aumentando em cerca de três vezes sua produção anual atingindo atualmente 17 toneladas. A unidade tem vida útil estimada até 2030 e é um importante empreendimento industrial da região, respondendo por 15% dos postos de trabalho formais do município. São cerca de 1.390 empregos diretos e de 1.900 terceirizados.

rn

 

rn

 

 

Fonte: Assessoria

Compartilhe:

LEIA TAMBÉM



NLMK participa da M&T Expo 2018

29 de outubro de 2018

A siderúrgica NLMK vai participar da edição de 2018 da MT&Expo, Feira Internacional de Equipamentos para Mineração e Construção, que…

LEIA MAIS

Brasil terá 1º hub de inovação para a indústria mineral

19 de novembro de 2018

Inédita no setor em nível global, iniciativa de mineradoras brasileiras em parceria com a WeWork pretende impactar positivamente a competitividade…

LEIA MAIS

Exportação de pelotas aumenta 14,2% de janeiro a setembro

23 de novembro de 2017

Foram exportadas 22,5 milhões de toneladas de pelotas nos nove meses deste ano A exportação de pelotas, feita pela Vale,…

LEIA MAIS