NOTÍCIAS

Líder nos investimentos em 2012, o ouro continua atrativo

16 de janeiro de 2013

rnDesde 2008, quando o mundo enfrentou os primeiros sinais da crise econômica que abala os principais países estrangeiros, o ouro se destaca no mercado internacional no ranking de investimentos, e em 2012 não foi diferente. Apesar

rn

Desde 2008, quando o mundo enfrentou os primeiros sinais da crise econômica que abala os principais países estrangeiros, o ouro se destaca no mercado internacional no ranking de investimentos, e em 2012 não foi diferente. Apesar de sofrer algumas quedas no decorrer dos meses, no ano passado a alta foi de 15,26%, uma valorização bem maior do Índice da Bolsa de Valores de São Paulo (Ibovespa), que ficou nos 7,40% no período.

rn

 
“Qualquer crise faz aumentar o valor. Sempre quando se tem insegurança econômica todo mundo quer comprar ouro”, explica Roselito Soares, diretor da OM Grupo. O Instituto Brasileiro de Mineração (Ibram) divulgou há pouco tempo que prevê um crescimento de 28,5% para o metal dentro dos próximos quatro anos, ou ainda, 90 toneladas até 2016.

rn

 
Os bancos centrais e investidores têm optado por trocar parte de suas reservas de moedas estrangeiras e títulos públicos por ouro, como seguro. O Banco Central do Brasil (BC) adquiriu, entre os meses de setembro e novembro do ano passado, 33,6 toneladas, o que fez com que as reservas dobrassem em relação ao estoque que se tinha anteriormente. Apesar de quedas, o metal é ainda o mais confiável, pois não sofre tanto com as oscilações do mercado internacional.

rn

 
Em outras palavras, o ouro chega a se popularizar, tamanha é a movimentação na sua busca. Hoje, os investidores nem precisam dispor de um alto valor para aplicação. A compra de ouro pode ser feita de duas formas, sendo pela Bolsa de Valores ou no chamado “mercado de balcão”, casas autorizadas que compram e vendem o metal. A OM Grupo tem disponível até mesmo no site diversas formas de se investir, sendo em barras de quantidades diferentes, pequenas ou grandes, ou cartões de ouro. É um investimento que não sofre com as oscilações do mercado econômico e de grande rentabilidade. “Por ser um investimento sólido, o comprador leva o ouro consigo de forma mais segura, além de ser um produto de alta liquidez. Todos querem ter.”, afirma Soares.
 

rn

O pedido também pode ser feito pela internet, desde 1g até 250g, sem pagar Imposto de Renda e apenas 1% de IOF. Basta preencher um cadastro, escolher o produto, efetuar o pagamento e a encomenda chega pelo correio sem nenhuma identificação do conteúdo da caixa. Para saber mais acesse www.omgrupo.com.br .
 

rn

 

rn

 

rn

 

Fonte: SEGS Portal Nacional de Seguros & Saúde

Compartilhe:

LEIA TAMBÉM



Vale anuncia a venda dos seus ativos de nitrogenados e fosfatado em Cubatão à Yara

21 de novembro de 2017

A Vale informa que celebrou um acordo de compra de cotas com Yara International ASA, empresa listada na Bolsa de…

LEIA MAIS

Serabi aumenta reservas de ouro em 31%

12 de dezembro de 2017

A Serabi Gold disse ontem (11) que a nova estimativa de reservas minerais provadas e prováveis para as minas de…

LEIA MAIS

LITOTECA DA CBPM É REABERTA

5 de outubro de 2015

Os interessados em fazer consultas em amostras de testemunhos de sondagem de projetos pesquisados pela Companhia Baiana de Pesquisa Mineral (CBPM) já podem programar visitas à Litoteca da empresa.

LEIA MAIS