NOTÍCIAS

Minério de ferro é a salvação das siderúrgicas

10 de abril de 2012

rnAs siderúrgicas menos avançadas no processo de verticalização deverão perder espaço no mercado por falta de competitividade. Os resultados dos últimos trimestres das companhias comprovaram que &eacut

rn

As siderúrgicas menos avançadas no processo de verticalização deverão perder espaço no mercado por falta de competitividade. Os resultados dos últimos trimestres das companhias comprovaram que é melhor negócio para as fabricantes de aço produzir minério de ferro, apesar da queda do valor do insumo no final do ano passado.

rn

 

rn

Para o aço, por outro lado, é esperado um aumento de preços para aliviar as margens. Esse aumento, no entanto, não tem data para acontecer. O desempenho das siderúrgicas de capital aberto no último trimestre do ano passado evidencia a dificuldade dos gestores em descomprimir a margem de rentabilidade, tarefa na qual não tiveram sucesso. Companhia Siderúrgica Nacional (CSN), Usiminas e Gerdau enfrentaram no intervalo entre outubro e dezembro do ano passado mais um aumento dos custos das matérias-primas, apertando a margem por mais um trimestre.

rn

 

rn

Esses aspectos terão presença forte ainda no primeiro trimestre do ano.

rn

 

rn

“Os resultados continuam bastante ruins e a perspectiva de melhora é se houver um aumento de preços. Agora, para as siderúrgicas, o caminho vem sendo aumentar a produção de minério de ferro, mesmo com o preço em um patamar mais baixo”, diz o analista do BB Investimentos, Victor Penna.

rn

 

rn

O minério de ferro segue em patamar elevado e atrativo para a exploração, apesar de o preço estar abaixo do pico registrado no ano passado, que foi de cerca de US$ 190 a tonelada. Está valendo agora R$ 140.

rn

Preparada

rn

 

rn

Diversificação. A Usiminas já criou uma empresa dedicada ao negócio de mineração e está unindo esforços para chegar em 2015 com uma capacidade de produção de 29 milhões de toneladas.

rn

 

Fonte: OTempo.com.br

Compartilhe:

LEIA TAMBÉM



Instituto Alcoa promove formação de professores em escolas públicas de Juruti

10 de setembro de 2018

Em busca de conhecimentos, experiências e avanços nas atividades escolares, cerca de 40 professores de escolas públicas de Juruti e…

LEIA MAIS

LITOTECA DA CBPM É REABERTA

5 de outubro de 2015

Os interessados em fazer consultas em amostras de testemunhos de sondagem de projetos pesquisados pela Companhia Baiana de Pesquisa Mineral (CBPM) já podem programar visitas à Litoteca da empresa.

LEIA MAIS

Projeto de terras-raras vai produzir 5 mil toneladas por ano em Goiás

13 de novembro de 2017

A Mineração Serra Verde (MSV) trabalha para produzir anualmente 5 mil toneladas de concentrado de terras-raras no projeto que possui…

LEIA MAIS