NOTÍCIAS

Minério de ferro pesa negativamente na balança comercial de janeiro

1 de fevereiro de 2012

rnrnSegundo o governo, recuo de 20% na quantidade embarcada do produto se somou à queda de 10% nos preçosrnrnA queda do preço e da quantidade embarcada do minério de ferro em janeiro contribuiu negativamente

rn

rn

Segundo o governo, recuo de 20% na quantidade embarcada do produto se somou à queda de 10% nos preços

rn

rn

A queda do preço e da quantidade embarcada do minério de ferro em janeiro contribuiu negativamente com o saldo da balança comercial de janeiro. De acordo com a secretária de comércio exterior do MDIC, Tatiana Prazeres, houve queda de 10% dos preços no mês passado na comparação com janeiro de 2010.

rn

O recuo na quantidade embarcada foi de 20% na mesma base de comparação. “A queda de preço e a quantidade embarcada pesaram, mais foi a quantidade que influenciou mais o resultado”, considerou Tatiana.

rn

Em janeiro do ano passado, a exportação de minério de ferro foi de US$ 2,539 bilhões e, no mesmo mês deste ano, de US$ 1,834 bilhão. Assim, a média diária das vendas do produto entre um e outro janeiro saiu de US$ 120,9 milhões para US$ 83,4 milhões, uma queda de 31,1%.

rn

“Se não fosse o minério de ferro, a média diária das exportações teria crescido 7,8% em janeiro”, considerou a secretária.

rn

 

Fonte: O Estado de S.Paulo

Compartilhe:

LEIA TAMBÉM



Vale anuncia a venda dos seus ativos de nitrogenados e fosfatado em Cubatão à Yara

21 de novembro de 2017

A Vale informa que celebrou um acordo de compra de cotas com Yara International ASA, empresa listada na Bolsa de…

LEIA MAIS

MRN é destaque no Prêmio Redes Fiepa de Desenvolvimento

1 de outubro de 2020

A empresa figurou no Top2, da categoria Percetum. Só em 2019, a mineradora efetuou 60% de suas compras no Pará…

LEIA MAIS

ArcelorMittal Tubarão religa seu terceiro Alto-Forno

27 de outubro de 2020

A ArcelorMittal Tubarão religou na última segunda-feira (25), o seu terceiro Alto-Forno, cujas operações estavam paralisadas desde abril deste ano…

LEIA MAIS