NOTÍCIAS

Mining Hub tem taxa de sucesso de 25% no primeiro ano

18 de fevereiro de 2020

Mining Hub, inédito espaço de inovação aberta do setor mineral, completou o primeiro ano de atividades com elevada taxa de sucesso: 25%. Este resultado reflete a contratação de startups após dois ciclos de aceleração de projetos (o Hub está na fase do 3º ciclo agora) desenvolvidos por startups com a colaboração de mineradoras e empresas da cadeia de fornecimento do setor. Inaugurado em 17 de janeiro de 2019, o Hub, situado em Belo Horizonte (MG), celebrou este primeiro aniversário em solenidade neste dia 13 de fevereiro.

A diretora executiva do Mining Hub, Cláudia Diniz, fala sobre os planos para 2020.

No 1º ano, o Mining Hub recebeu 690 inscrições de projetos de startups e 190 passaram pela triagem da equipe técnica para participar das provas de conceito (POCs). Foram 16 POCs e houve a contratação de 4 startups (25%). Nas POCs, as proponentes apresentam um modelo prático que possa provar o conceito (teórico) estabelecido em seus projetos. “25% é resultado muito alto para qualquer hub de inovação”, comemora Cláudia Diniz, diretora executiva do Mining Hub.

Pilar de transformação da mineração

A proposta de valor deste programa é ser o pilar de transformação do setor, por meio da inovação aberta e, para isso, conta com principais atores da mineração e da cadeia de fornecedores, startups, e apoiadores como o Instituto Brasileiro de Mineração (IBRAM), que fortaleceu a iniciativa.

“A taxa de sucesso de 25% realmente chama muito a atenção. Duas palavras-chaves sintetizam o que é realizado no âmbito do Mining Hub: ‘União’, que marca o trabalho de mineradoras e fornecedores em apoio ao desenvolvimento de soluções comuns com as startups e outros atores; ‘Desprendimento’, que expressa a mudança de cultura, já que, antes do hub, cada um buscava sua própria solução, mas que, agora, todos buscam agir colaborativamente e compartilham entre si o que é desenvolvido”, disse Wilson Brumer, presidente do Conselho Diretor do IBRAM, que falou em nome do Instituto na solenidade. Ele estava acompanhado de outros conselheiros, do diretor-presidente, Flávio Penido, de outros dirigentes e técnicos do Instituto.

Evento “Israel Meetup”, no Mining Hub, em janeiro, reuniu empresas israelenses de vários setores com mineradoras e startups brasileiras.

Inovação é item da Carta Compromisso do IBRAM

Ele acrescentou que o Mining Hub integra o capítulo ‘Inovação” da Carta Compromisso que o IBRAM apresentou à sociedade, em que lista série de compromissos para transformar a indústria da mineração, de modo a torna-la mais segura para as pessoas e o ambiente, mais próxima da sociedade e cada vez mais sustentável. “Os objetivos atingidos pelo Mining Hub estão alinhados ao que o setor preconiza na Carta Compromisso”, afirmou.

Mining Hub recebe quase 1.000 visitantes em 1 ano

O Hub tem se tornado cada vez mais conhecido, avançando além das fronteiras do setor mineral: em 2019, ele recebeu a visita de 941pessoas e, desse total, 39% eram associados e 61% outros públicos, de diversos setores, do Brasil e de vários outros países, como de Israel (evento ‘Israel Meetup’, em janeiro).

Os temas segurança de barragens e gestão de rejeitos minerais mereceram destaque especial neste 1º ano do Mining Hub, com envolvimento direto de várias mineradoras que investem atenção e recursos nestes temas, como Nexa, Vale, Arcellor Mittal, Vale, Samarco, Usiminas, CSN, Kinross, entre outras. Há projetos que evoluíram ações de monitoramento de barragens e de uso do rejeito na construção civil, por exemplo.

Para 2020, o Mining Hub irá dedicar atenção especial a conquistar maior capilaridade junto a instituições de hard science, como universidades e institutos de pesquisas

“A busca por mudanças disruptivas passa pela pesquisa aplicada. É preciso ter capilaridade nesses ecossistemas de inovação, nacionais e internacionais. Isso vai nos dar estrutura cada vez mais forte para sermos vetor das mudanças que a gente quer ver na mineração”, declarou Cláudia Diniz.

Compartilhe:

LEIA TAMBÉM



Inscrições abertas para submissão de trabalhos na Minexcellence 2019

10 de setembro de 2018

O 4º Seminário Internacional de Excelência Operacional em Mineração (Minexcellence 2019) será realizado em Santiago, no Chile, entre os dias…

LEIA MAIS

Entidades buscam resolução para demanda represada no embarque de rochas ornamentais

5 de novembro de 2018

Com apoio do Governo do Espírito Santo, Sindicato das Indústrias de Rochas Ornamentais, Cal e Calcário do Estado do Espírito…

LEIA MAIS

LITOTECA DA CBPM É REABERTA

5 de outubro de 2015

Os interessados em fazer consultas em amostras de testemunhos de sondagem de projetos pesquisados pela Companhia Baiana de Pesquisa Mineral (CBPM) já podem programar visitas à Litoteca da empresa.

LEIA MAIS