NOTÍCIAS

Ministro admite que consumidor poderá pagar conta de luz mais cara

8 de janeiro de 2013

rnLobão descartou necessidade de racionar energia, mas adiantou que o uso das usinas térmicas elevará faturarnCom os reservatórios das usinas hidrelétricas em níveis baixos, o ministro de Minas e Energia, Edi

rn

Lobão descartou necessidade de racionar energia, mas adiantou que o uso das usinas térmicas elevará fatura

rn

Com os reservatórios das usinas hidrelétricas em níveis baixos, o ministro de Minas e Energia, Edison Lobão, admitiu nesta segunda-feira que os consumidores brasileiros terão que pagar contas de luz mais caras devido à necessidade de uso de usinas térmicas por um período prolongado. Por outro lado, ele descartou a possibilidade de racionamento de energia.

rn

“(O despacho de térmicas) encarece um pouco, não podemos dizer que não causa nenhum efeito. São cerca de R$ 400 milhões durante os meses que térmicas a diesel e óleo são despachadas. Essa pequena diferença será repassada ao consumidor, mas não chega a 1%”, disse o ministro em entrevista ao Jornal Nacional. “Não há nenhuma possibilidade de racionamento, de desabastecimento”, completou.

rn

O custo da geração das termelétricas em 2012 para recompor o nível dos reservatórios das hidrelétricas e garantir o abastecimento do mercado deve ser de R$ 2,7 bilhões, nas contas da Associação Brasileira de Grandes Consumidores Industriais de Energia e de Consumidores Livres (Abrace). Esse valor, relativo ao Encargo de Serviços do Sistema (ESS), seria 85,5% superior ao apurado em 2011, de R$ 1,45 bilhão.

rn

 

Fonte: Estado de Minas

Compartilhe:

LEIA TAMBÉM



Fabio Schvartsman participa de evento corporativo em São Paulo

16 de abril de 2018

O diretor-presidente da Vale, Fabio Schvartsman, participou, no dia 10 de abril, do Itaú Macro Vision, evento voltado para o…

LEIA MAIS

MCTIC lança consulta pública sobre Plano de Ação em Ciência, Tecnologia e Inovação para Minerais Estratégicos

1 de outubro de 2018

O Ministério da Ciência, Tecnologia, Inovações e Comunicações (MCTIC) lançou na última quinta-feira (27) consulta pública sobre o Plano de…

LEIA MAIS

Programação da EXPOSIBRAM 2019 é construída de forma colaborativa

12 de novembro de 2018

Em pesquisa realizada pela internet, interessados em participar da próxima edição da Expo & Congresso Brasileiro de Mineração indicaram os…

LEIA MAIS