NOTÍCIAS

Planejamento para diminuir impactos da mineração no Norte de Minas é iniciado

7 de fevereiro de 2013

rnO Governo de Minas, por meio da Secretaria de Estado Desenvolvimento Regional e Política Urbana (Sedru), realizou, nesta terça-feira (5), em Montes Claros, o primeiro encontro para a elaboração do Plano Regional Estrat&e

rn

O Governo de Minas, por meio da Secretaria de Estado Desenvolvimento Regional e Política Urbana (Sedru), realizou, nesta terça-feira (5), em Montes Claros, o primeiro encontro para a elaboração do Plano Regional Estratégico em torno de grandes projetos minerários no Norte de Minas. Durante a reunião, foi apresentado o primeiro produto do plano que detalha a metodologia dos estudos e traz um diagnóstico inicial sobre as microrregiões de Janaúba, Grão Mogol e Salinas, que nos próximos anos receberão investimentos na casa de R$ 8 bilhões na área da mineração.

rn

O evento, que contou com a parceria do Conselho de Segurança Alimentar de Minas Gerais (Consea-MG), da Ouvidoria Geral de Minas Gerais (OGE-MG) e da Associação dos Municípios da Área de Influência da Sudene (Amams), reuniu os representantes de 28 cidades que receberão os impactos das atividades de mineração, das empresas mineradoras e dos pesquisadores do Centro de Desenvolvimento de Planejamento (Cedeplar) da UFMG, responsáveis pela elaboração do plano.

rn

O objetivo da reunião foi debater com os vários atores envolvidos no processo da atividade mineral na região o procedimento de elaboração do plano, apresentando a metodologia utilizada, a definição da região que será levada em conta pelo plano e o primeiro dos cinco produtos do Plano Estratégico.

rn

De acordo com a subsecretária de Desenvolvimento Regional da Sedru, Beatriz Morais, este plano terá a participação efetiva dos envolvidos com a questão da mineração no Norte do Estado. “Iniciamos um trabalho que será de elaborar um plano com a participação dos municípios, das empresas e dos técnicos do Governo de Minas, que vai dimensionar o impacto do setor mineral na região e levantar as necessidades de investimentos nos municípios para que eles possam se desenvolver”, afirmou.

rn

As próximas etapas do plano se referem à coleta de dados, elaboração de diretrizes e apresentação dos instrumentos necessários e disponíveis para a promoção do desenvolvimento da região. A ideia da Sedru é que cada produto do plano seja apresentado e discutido pelos envolvidos. “Pretende-se construir um espaço de interação, visando à promoção do debate em torno do tema, reunindo os diversos atores envolvidos em práticas voltadas para o desenvolvimento regional”, completa a subsecretária.

rn

Para o prefeito de Grão Mogol, Jeferson Figueiredo, estas reuniões são essenciais para que sejam esclarecidas as dúvidas dos municípios quanto à exploração mineral e à chegada de grandes empresas as regiões. “Como prefeito, tenho preocupações sobre os investimentos que virão para a nossa região, sei dos benefícios que chegarão como geração de emprego, de renda, melhoria da qualidade de vida, mas temos um receio quanto a questão social, principalmente onde será realizado os empreendimentos, como é o caso do meu município” comenta.

rn

No dia 22 de fevereiro será realizado, em Conceição do Mato Dentro, o primeiro encontro para a elaboração do Plano Regional Estratégico em torno de grandes projetos minerários no médio Espinhaço.

rn

Plano Regional do Norte de Minas

rn

O plano estratégico que será elaborado para a região Norte do Estado vai traçar um diagnóstico dos 37 municípios localizados nas microrregiões de Salinas, Janaúba e Grão Mogol, que receberão os impactos da chegada de grandes mineradoras que vão investir na região cerca R$ 8 bilhões até 2014, gerando cerca de 9,5 mil empregos diretos e mais de 10 mil empregos indiretos.

rn

Entre as empresas que já anunciaram interesse de atuação no Norte de Minas estão a Vale S.A; a Carpathian Gold, através da Mineração Riacho dos Machados; a Mineração Minas Bahia; e a Sul-Americana de Metais (SAM).

rn

 

rn

 

rn

 

Fonte: Agência de Minas

Compartilhe:

LEIA TAMBÉM



CADE aprova compra da Ferrous pela Vale

3 de junho de 2019

A Superintendência-Geral do Conselho Administrativo de Defesa Econômica (Cade) aprovou, sem restrições, a aquisição do controle acionário da mineradora Ferrous…

LEIA MAIS

Nota Técnica do Ministério do Trabalho esclarece o uso de “Robôs Colaborativos” frente à NR 12

3 de dezembro de 2018

A Nota Técnica nº 31/2018/CGNORDSST/SIT/MTb, expedida pelo Ministério do Trabalho, esclarece o uso de “Robôs Colaborativos” e de robôs tradicionais…

LEIA MAIS

AngloGold Ashanti realiza simulado de emergência de barragem na comunidade de Barra Feliz

19 de novembro de 2018

Terceiro evento em Santa Bárbara mobiliza moradores. Mais de 240 se envolveram na ação, 60% do público-alvo. Próximo treinamento ocorrerá…

LEIA MAIS