NOTÍCIAS

Vale aprova projeto de US$1,5 bi de minério em MG

26 de julho de 2012

rnA Vale incluiu em sua carteira de projetos um empreendimento de 1,5 bilhão de dólares para exploração e processamento de reservas de minério de ferro das Minas do Meio, em Minas Gerais.rnO novo projeto,

rn

A Vale incluiu em sua carteira de projetos um empreendimento de 1,5 bilhão de dólares para exploração e processamento de reservas de minério de ferro das Minas do Meio, em Minas Gerais.

rn

O novo projeto, com capacidade prevista para 24 milhões de toneladas, deve entrar em operação no segundo semestre de 2015, informou nesta quarta-feira a mineradora em seu balanço financeiro do segundo trimestre, período no qual os investimentos totais (excluindo aquisições) somaram 4,287 bilhões de dólares.

rn

“O Conselho de Administração aprovou o projeto de minério de ferro Itabiritos Cauê, que consiste da adaptação da usina para processamento de itabiritos de baixo teor das Minas do Meio”, revelou a maior produtora de ferro do mundo.

rn

A Vale disse que o projeto vai permitir à companhia substituir capacidade perdida devido ao esgotamento das reservas na região.

rn

“O projeto não adicionará capacidade líquida às nossas operações, dado que irá substituir capacidade perdida devido ao empobrecimento das reservas no Quadrilátero de Ferro.”

rn

PROJETOS MAIS CAROS

rn

Além do novo projeto de minério de ferro, o cronograma de investimentos divulgado nesta quarta-feira informa aumentos em outros investimentos já aprovados. É o caso de Salobo, Salobo II, CLN 150 Mtpa e Tubarão VIII.

rn

O aumento de capacidade da ferrovia e porto do sistema Norte, inclusive a construção do quarto píer de Ponta da Madeira, no Maranhão, passou de 3,47 bilhões de dólares para 4,1 bilhões de dólares, mostra a listagem de projetos da Vale. O projeto, batizado de CLN 150 Mtpa, já tem 77 por cento de avanço físico e deve ficar pronto no primeiro semestre de 2014.

rn

O investimento esperado na oitava usina de pelotização do complexo de Tubarão (ES) citado no relatório desta quarta-feira é de 1,08 bilhão de dólares, acima dos 968 milhões divulgados na listagem anterior, relativa ao primeiro trimestre.

rn

Os projetos de cobre Salobo e Salobo II, no Pará, passaram a somar 4,21 bilhões de dólares, ante uma previsão de investimentos de 3,76 bilhões de dólares dada anteriormente.

rn

A Vale informou ainda que estão em operação as duas linhas de produção de Salobo, um projeto com capacidade de 100 mil tpa. O projeto encontra-se em fase ramp up e já foram executados 2,2 bilhões de dólares.

rn

INVESTIMENTO NA ARGENTINA

rn

Pela listagem atualizada de projetos da Vale é possível ver ainda que a empresa continuou investindo no projeto Rio Colorado, na Argentina, que entrou em revisão após o governo local anunciar a reestatização de alguns negócios, como no setor petróleo.

rn

No segundo trimestre, a Vale investiu 373 milhões de dólares no projeto de potássio, que continua na lista de empreendimentos aprovados pelo Conselho. O empreendimento de 5,9 bilhões de dólares é um dos maiores da Vale e já tem 35 por cento de avanço físico – com 1,4 bilhão já investidos.

rn

“Ainda em julho, a Vale assinou um memorando de entendimento (Acta Acuerdo) com o governo da Argentina, que é um passo fundamental para a constituição de um arcabouço regulatório e fiscal para facilitar a implementação do projeto Rio Colorado. Assim como Moatize, Rio Colorado é um projeto de classe mundial e com alto potencial de geração de valor”, citou a empresa.

rn

 

Fonte: Estadão.com.br

Compartilhe:

LEIA TAMBÉM



CPRM ministra curso de capacitação em risco geológico e leitura de cartas de suscetibilidade para a Defesa Civil de Santa Catarina

17 de dezembro de 2018

Com o objetivo de explicar a percepção da suscetibilidade e risco, além de apresentar os produtos do Serviço Geológico do Brasil…

LEIA MAIS

Anglo American abrirá 100 vagas para contratação de jovens profissionais e estagiários

10 de dezembro de 2018

Com um processo seletivo, eficiente, desafiador e dinâmico, a Anglo American sai na frente se destaca no setor da mineração…

LEIA MAIS

Alcoa apoia desenvolvimento em Inglês para alunos do Senai Juruti

10 de dezembro de 2018

Estudantes do Programa de Formação de Operadores e Operadoras (PFO) e de cursos técnicos do Serviço Nacional de Aprendizagem Industrial…

LEIA MAIS