NOTÍCIAS

Vale e Governo do Pará assinam ordens de serviço para a construção das Usinas da Paz

16 de março de 2020

Vale e o Governo do Pará celebraram na última sexta-feira (13) mais um marco do Programa Territórios pela Paz. A data marcou a assinatura dos contratos com as empresas que vão executar a construção das Usinas da Paz em quatro bairros da Região Metropolitana de Belém e uma unidade no município de Parauapebas, atendendo ao nosso compromisso com a segurança e desenvolvimento dos municípios onde atuamos. Fruto do acordo de cooperação técnica com a Vale, deverão ser construídas além dessas cinco usinas, mais uma em Canaã dos Carajás.

Com investimento de R$ 102 milhões, as obras devem iniciar no mês de abril e serão executadas pelas empresas Impax Eireli, Almáa Engenharia e Gonçalves & Dias.

Concebido pela arquiteta Bel Lobo, o projeto arquitetônico se adapta às características climáticas da Região Amazônica, como chuvas durante todo o ano e altas temperaturas. A ideia é criar um projeto que gere empatia com a população local, provocando o empoderamento da estrutura pelos moradores dos bairros atendidos e, consequentemente, o cuidado com o espaço.

O que é o Programa Territórios Pela Paz?

Liderado pelo Governo do Estado, o programa consiste em um amplo esforço do governo estadual para a diminuição da vulnerabilidade social e o enfrentamento das dinâmicas da violência, a partir da articulação de ações de segurança pública e de cidadania.

O que são Usinas da Paz?

São espaços comunitários inclusivos e que vão abrigar o programa estadual Territórios pela Paz (TerPaz). São destinadas para atender as comunidades com oferta de serviços públicos, como cursos e oficinas, além de atividades esportivas e lazer.

Qual o investimento da Vale?

A Vale será responsável pelos projetos executivos e pela construção das Usinas da Paz nos bairros Benguí, Nova União/São Francisco (Marituba), Cabanagem e Icuí Guajará (Ananindeua), na Região Metropolitana de Belém, e nos municípios de Parauapebas e Canaã dos Carajás. Nossa empresa também investiu na equipagem das polícias civil e militar do sudeste paraense para fortalecer a atuação das tropas em missões, além de suporte logístico e material para outras ações de segurança e inteligência das policias civil e militar.

Secretário estadual de Articulação da Cidadania, Ricardo Balestreri

Lourival Ferreira (lider de implantacao pela Vale), Ricardo Balestreri (secretário) e José Fernando Gomes (gerente de Relações Governamentais da Vale)

Lourival Ferreira, líder de implantação pela Vale
Compartilhe:

LEIA TAMBÉM



Vale abre inscrições para Programa Global de Trainee

10 de setembro de 2018

Estão abertas as inscrições para o Programa Global de Trainee da Vale. São 40 vagas, das quais 23 para o…

LEIA MAIS

IBRAM renova liderança e defende protagonismo do setor

21 de janeiro de 2019

Com grande experiência nos setores público e privado, Jerson Kelman assume a presidência do IBRAM; presidente do Conselho, Luiz Eduardo…

LEIA MAIS

Belo Horizonte é o terceiro mercado de coworking no Brasil

27 de novembro de 2018

Maior empresa do setor no mundo lança espaço de seis andares na cidade Terceiro maior mercado de coworkings do Brasil…

LEIA MAIS