NOTÍCIAS

Vale tem aumento de 15% na produção

19 de julho de 2012

rnProdução de 80,5 milhões de toneladas é recorde para um segundo trimestre, recuperando as perdas registradas no primeiro trimestrernA mineradora Vale bateu recorde de produção no segundo trimestre

rn

Produção de 80,5 milhões de toneladas é recorde para um segundo trimestre, recuperando as perdas registradas no primeiro trimestre

rn

A mineradora Vale bateu recorde de produção no segundo trimestre, ao atingir 80,542 milhões de toneladas. Com o resultado, o melhor já registrado para o período entre março e junho, a companhia conseguiu recuperar perdas de produção registradas no início do ano por conta das fortes chuvas que castigaram o país. Frente ao primeiro trimestre, a produção cresceu 15,1%. Se comparada ao mesmo período de 2011, a expansão é mais modesta, de 0,4%.

rn

O bom desempenho deve se refletir no balanço financeiro que a Vale divulga na próxima semana. A expectativa dos analistas é de um lucro superior ao contabilizado no primeiro trimestre, quando a empresa foi prejudicada por fatores climáticos e pela queda no preço do minério de ferro, carro-chefe das vendas.

rn

No início do ano, o insumo chegou a ser negociado abaixo de US$ 100 por tonelada. Mas a cotação ganhou mais fôlego entre maio e junho. Em relatório, o Citibank informou que trabalha com um preço médio para o minério de US$ 112 por tonelada entre abril e junho, acima dos US$ 109 do primeiro trimestre.

rn

Recentemente, o diretor executivo de Ferrosos e de Estratégia da Vale, José Carlos Martins, afirmou que a tendência é que o preço do minério de ferro oscile entre US$ 120 e US$ 150 nos próximos dois a três anos.

rn

O destaque do relatório de produção da Vale foi Carajás, no Pará, região onde a companhia extrai seu minério de melhor qualidade. A produção de Carajás alcançou a marca histórica de 27,4 milhões de toneladas, um crescimento de 26% sobre janeiro a março deste ano e de 5,2% frente ao segundo trimestre de 2011.

rn

A Vale tem planos ambiciosos de crescimento para Carajás. Em junho, a companhia recebeu a licença prévia para um novo investimento no Pará. O projeto, conhecido como Serra Sul, está orçado em cerca de US$ 20 bilhões, o maior investimento já feito por uma companhia privada no Brasil. Com capacidade para 90 milhões de toneladas de minério de ferro, Serra Sul é o caminho natural de expansão da companhia. O cronograma prevê a entrada em operação do projeto no segundo semestre de 2016.

rn

O relatório divulgado ontem mostra ainda que a produção de pelotas atingiu 14,256 milhões de toneladas, um aumento de 12,3% sobre o trimestre anterior. Já a produção de carvão cresceu 5% no mesmo período, totalizando 2,467 milhões de toneladas.

rn

A Vale também passou a Petrobrás e retomou o posto de maior exportadora brasileira no primeiro semestre do ano, segundo dados Secretaria de Comércio Exterior (Secex), do Ministério do Desenvolvimento, Indústria e Comércio Exterior (Mdic). Entre janeiro e junho, a receita de exportações da Vale somou US$ 11,9 bilhões, enquanto a Petrobrás conseguiu US$ 11,4 bilhões com exportações.

rn

 

Fonte: O Estado de S. Paulo

Compartilhe:

LEIA TAMBÉM



5 dicas para manutenção eficaz em mineradoras

3 de dezembro de 2018

Manter o maquinário em bom estado de funcionamento é um dos maiores desafios das mineradoras. Instalados em ambientes extremos e…

LEIA MAIS

Guia de boas práticas aborda etapas de ciclo de vida de barragens e outras estruturas de disposição de rejeitos

8 de agosto de 2019

A minuta do ‘Guia de Boas Práticas de Gestão de Barragens e Estruturas de Disposição de Rejeitos’, que está em fase…

LEIA MAIS

Votorantim Cimentos apoia projeto de resgate histórico-cultural em Corumbá (MS)

17 de dezembro de 2018

Projeto “Todo Lugar tem uma História para Contar”, do Museu da Pessoa, reuniu histórias de vida dos moradores que impulsionou…

LEIA MAIS