NOTÍCIAS

Investimento da Vale cresceu 34%, para US$ 3,777 Bi

26 de abril de 2012

 rnOs investimentos da Vale no primeiro trimestre do ano, excluindo aquisições, somaram US$ 3,677 bilhões, o que representou um aumento de 34% em relação ao mesmo trimestre de 2011. Em relação ao

 

rn

Os investimentos da Vale no primeiro trimestre do ano, excluindo aquisições, somaram US$ 3,677 bilhões, o que representou um aumento de 34% em relação ao mesmo trimestre de 2011. Em relação ao último trimestre do ano passado, no entanto, a queda foi de 45%. Segundo a companhia, o foco dos aportes foi o crescimento orgânico, destino de 77% dos investimentos.

rn

A empresa destacou, ainda, que foi adquirida no período, por US$ 69 milhões, uma participação adicional de 5% na companhia que controla a Carborough Downs, uma operação de carvão metalúrgico em Bowen Basin, na Austrália, alcançando, assim, uma participação de 85%.

rn

Minério de ferro

rn

A Vale vendeu 65,193 milhões de toneladas de minério de ferro e pelotas no primeiro trimestre, volume 4,2% inferior ao registrado no mesmo período do ano passado. Em seu balanço financeiro divulgado nesta quarta-feira, a companhia explica que a queda foi motivada pelas fortes chuvas que atingiram as operações da Vale, causando paralisações nas minas e ferrovias no sistema Sul e Sudeste. A mineradora chegou a declarar estado de força maior em janeiro. O impacto só não foi pior pelo fato de a Vale já trabalhar com estoques mais elevados. A mineradora lembra que vem ampliando sua rede de distribuição global, o que requer mais estoques.

rn

“O período chuvoso terminou, os embarques de minério de ferro aumentaram significativamente em março e estamos confiantes que iremos entregar os volumes de vendas planejados para este ano. O mercado global de minerais e metais deve permanecer aquecido, e continuamos bem preparados para explorar as oportunidades para criação de valor”, informa a mineradora.

rn

O balanço mostra ainda que a receita com vendas de minério de ferro e pelotas somou US$ 7,675 bilhões no primeiro trimestre, um recuo de 16,2% frente ao mesmo período do ano passado.

rn

A China respondeu por 47,2% das vendas, com 30,8 milhões de toneladas no período. No primeiro trimestre de 2011, a fatia chinesa tinha sido de 41,4%, movimentando 28,165 milhões de toneladas, e no quarto trimestre de 2011, 47,1%.

rn

Preço

rn

O preço médio da tonelada de minério de ferro vendido foi de US$ 109,26 no primeiro trimestre, valor 13,41% inferior ao registrado no mesmo período do ano passado (US$ 126,19). Já no segmento de pelotas, o balanço da Vale mostrou uma queda mais expressiva no preço médio, que ficou em US$ 162,29 por tonelada, contra os US$ 181,33 verificado no mesmo período do ano passado.

rn

 

 

Fonte: Estadão

Compartilhe:

LEIA TAMBÉM



Centro de Tecnologia de Ferrosos da Vale completa 10 anos

15 de outubro de 2018

A Vale possui um dos mais avançados centros de pesquisas na aplicação de minério de ferro e carvão na siderurgia….

LEIA MAIS

IBRAM realiza pesquisa sobre o que o público gostaria de ver na EXPOSIBRAM 2020

28 de outubro de 2019

O que você gostaria de sugerir para a próxima edição da  Expo & Congresso Brasileiro de Mineração (EXPOSIBRAM)? Considerada a…

LEIA MAIS

Sindirochas e Abirochas juntos no MME para discutir a CFEM

3 de dezembro de 2018

Os presidentes do Sindirochas, Tales Machado, e Abirochas, Reinaldo Sampaio, se reuniram com a Secretária de Geologia e Mineração e…

LEIA MAIS