NOTÍCIAS

Metal é valorizado com ajuda chinesa è Europa

22 de março de 2012

rnCom a crise na zona do euro e na economia grega, os contratos futuros de ouro na Bolsa de Nova York tiveram alta e podem fechar abril em até US$ 1.728,10 a onça-troy, devido à ajuda chinesa. Desde 2008 até o ano passado,

rn

Com a crise na zona do euro e na economia grega, os contratos futuros de ouro na Bolsa de Nova York tiveram alta e podem fechar abril em até US$ 1.728,10 a onça-troy, devido à ajuda chinesa. Desde 2008 até o ano passado, o metal mais precioso do mundo registrou um aumento de 90% na sua valorização, com a crise, e tende a crescer ainda mais. “O investidor, seja ele pessoa física ou jurídica, deixa de investir em seu próprio parque fabril (já que a demanda vai encolher) e a pessoa física, temendo uma desvalorização da moeda, também parte para o ouro como forma de reserva de valor e para obtenção de ganhos financeiros.”, afirma Moacir Camargo, gerente de planejamento do Grupo OM. Em 2011, o metal acumulou alta de aproximadamente 10%, o décimo primeiro ano consecutivo de valorização. A China é a maior produtora de ouro, com cerca de 345 t, o equivalente a 14% da produção mundial, seguida pela Austrália, África do Sul e Estados Unidos. O Brasil aparece na 12ª posição no ranking. “Em momentos de crise o mercado financeiro recorre ao ouro como reserva de valor. É um ótimo momento para se investir em ouro, pois qualquer crise empurra o preço do metal para cima”, completa Camargo.

rn

 

Fonte: Brasil Mineral

Compartilhe:

LEIA TAMBÉM



AngloGold Ashanti aprimora frota de subsolo

14 de janeiro de 2019

Dois novos jumbos, com investimento de R$ 10 milhões, foram adquiridos para operações de Minas Gerais Cerca de R$ 10…

LEIA MAIS

Vale abre inscrições para Programa Global de Trainee

10 de setembro de 2018

Estão abertas as inscrições para o Programa Global de Trainee da Vale. São 40 vagas, das quais 23 para o…

LEIA MAIS

Cazaquistão recebe este ano o World Mining Congress

16 de abril de 2018

Com uma gama diversificada de commodities minerais, o Cazaquistão é o maior produtor mundial de urânio, o segundo maior de cromita e…

LEIA MAIS