NOTÍCIAS

Mineração no celular: games sobre atividade são populares

16 de maio de 2017

Jogos simulam desde o trabalho de garimpeiros em minas subterrâneas até a condução de veículos pesados usados pelas mineradoras

 mineração, além de uma atividade laboral para muitas pessoas e um setor importante da economia brasileira e mundial, é também um assunto que chama a atenção dos gamers. Depois do já famoso Minecraft, jogo lançado em 2009 e que possui versões para celular e consoles, jogos como Tiny Miner, Extrema Colina Mining Driver e Garimpeiro fazem alusão à atividade e possuem fãs pelo mundo.
 
"Prepare-se para explorar o mundo maravilhoso da mineração! Explore, mine e construa enquanto procura fama e fortuna", diz o texto de apresentação do jogo Tiny Miner, que segundo a Play Store, loja virtual do Google para celulares com sistema operacional Android, possui mais de 5 milhões de downloads.
 
O game retrata a atividade de um pequeno trabalhador em uma mina subterrânea, no qual o objetivo é encontrar pedras preciosas a cada fase. Com a ajuda de uma picareta e um capacete equipado com uma lanterna, o personagem escava minas e encontra minérios como ferro, carvão até outros preciosos, como ouro e diamante. A medida que encontra os minérios, o garimpeiro abre caminho dentro da mina e deve ser cauteloso, pois pedras podem despencar, o que retira parte da "vida" do personagem.
 
Outro jogo que explora as características do trabalho no setor de mineração é o Extrema Colina Mining Driver. Neste simulador, também disponível para celulares com sistema operacional Android, o jogador tem a possibilidade de conduzir escavadeiras e caminhões utilizados em operações de uma mina.
 
Ao começar o jogo, como motorista de caminhão, seu objetivo é transportar minério das montanhas para a base da empresa. Em estágios mais avançados e outros modos de jogo, é possível, por exemplo, operar escavadeiras e explorar pedreiras. Menos popular que o Tiny Miner, o Extrema Colina possui 50 mil downloads na Play Store e uma nota média do público de 3,6 estrelas, em cinco possíveis.
 
Jogos com o modelo de simulação de veículos e equipamentos utilizados na mineração estão entre os mais variados para celulares. Outros exemplos são games como "Montanha Guindaste Caminhão", "Mining Truck Parking Simulator" e "Escavadora Mineração".
 
Futurista, o game Deep Town é mais um a usar os recursos da mineração com o objetivo de entreter jovens e adultos. Neste jogo, o gamer deve escavar a crosta terrestre, que está repleta de pedras preciosas. Com tecnologia avançada, os jogadores têm diferentes recursos como robôs com técnica de congelamento com criogênio.
 
"Na sua jornada de escavação, você terá que descobrir e explorar cavernas, em busca da história que conta sobre o passado do seu planeta e permite que você responda a uma pergunta – onde estamos?", diz o jogo.
 
Fantasia
 
Distante de buscar uma relação com a realidade, o RPG Mine Quest também tem a mineração como um tema importante do jogo. No game, o personagem principal, que é um anão em um universo onde existem monstros, tem o objetivo de escavar minas subterrâneas para buscar objetos que o ajudarão a forjar armas e equipamentos.
 
"Invada minas, descubra os tesouros escondidos em profundezas e lute contra monstros e chefões que estarão à sua espera para defender os tesouros que você quer roubar", diz trecho da apresentação do jogo, que possui mais de 1 milhão de downloads e uma nota média de 4,2, disponível para Android e IOS.
 
 
 
Notícias de Mineração Brasil
Compartilhe:

LEIA TAMBÉM



Cazaquistão recebe este ano o World Mining Congress

16 de abril de 2018

Com uma gama diversificada de commodities minerais, o Cazaquistão é o maior produtor mundial de urânio, o segundo maior de cromita e…

LEIA MAIS

Minério mantém alta

5 de dezembro de 2017

Em sua quinta alta consecutiva, o minério de ferro atingiu o maior valor desde 14 de setembro no mercado à…

LEIA MAIS

MINÉRIO DE FERRO: Preço tem leve alta no mercado futuro

1 de novembro de 2017

O contrato mais negociado no mercado futuro de minério de ferro, na China, com vencimento em janeiro de 2018, passou de 428 para 429,5 iuanes, ou US$ 65,09 a tonelada, de acordo com o câmbio.

LEIA MAIS