NOTÍCIAS

Votorantim Cimentos oferece dicas de aplicação de cimento queimado

27 de junho de 2017

Técnica versátil pode ser aplicada no piso ou na parede em 10 passos

Em construções ou reformas, a inovação no design de interiores não tem que estar atrelada exclusivamente a investimentos em materiais sofisticados. Para quem gosta do estilo retrô, o cimento queimado pode ser uma boa pedida para criar um ambiente todo charmoso e aconchegante. A técnica, que se destacava pelo piso vermelho aplicado em casas antigas e fazendas, foi aprimorada e ganhou versões industrializadas, sem perder o ar rústico e artesanal.

Além de dar nova cara aos ambientes com personalidade, o cimento queimado é ainda uma opção prática, econômica e resistente quando comparada aos revestimentos convencionais. E para quem gosta de colocar a mão na massa, o site Mapa da Obra oferece dicas de aplicação do cimento queimado, inclusive com orientações para evitar trincas e fissuras após a aplicação. Seja para piso ou parede, o processo de aplicação é o mesmo, basta usar os materiais e ferramentas adequadas e seguir os 10 passos que consta no link do site.

Manutenção, limpeza e cuidados

Para manter a superfície com cimento queimado limpo sempre bonita, o tratamento com resinas acrílicas ou à base d’água diminui a porosidade da superfície e evitam a absorção de fungos e de sujeira. Antes da resina, é indicado passar uma base protetora com o auxílio de um rolo, pincel ou pistola. Recomenda-se aplicar a resina em duas demãos, respeitando o intervalo de 12 horas entre elas. A manutenção com este produto deve ser feita a cada três anos.

Outra opção, mais econômica, é a cera, ou até mesmo o verniz, empregados semanalmente. Também é possível recorrer a serviços especializados de polimento, realizados com ferramentas diamantadas, que garantem uma superfície lisinha. Por ser um piso poroso, é recomendado impermeabilizar logo após a obra.

Para limpeza, o ideal é remover as sujeiras, como pó e areia, com vassoura ou aspirador de pó. Na hora de lavá-lo, basta utilizar detergente neutro, água morna, pano limpo ou escova de limpeza. A superfície nunca deve ficar molhada, do contrário outras sujeiras irão grudar.

Em casos de manchas, uma alternativa é lixar a parte superficial do cimento queimado com uma lixa fina. Isso deve ser feito com muita atenção para não danificar ou desnivelar o piso. Também é importante evitar o uso de produtos abrasivos, que podem causar riscos difíceis de serem removidos.

Compartilhe:

LEIA TAMBÉM



CPRM ministra curso de capacitação em risco geológico e leitura de cartas de suscetibilidade para a Defesa Civil de Santa Catarina

17 de dezembro de 2018

Com o objetivo de explicar a percepção da suscetibilidade e risco, além de apresentar os produtos do Serviço Geológico do Brasil…

LEIA MAIS

Produção de minério de ferro da BHP cai 4% no trimestre

20 de outubro de 2017

Os números levam em consideração o minério de ferro produzido pela BHP e em parcerias em joint ventures

LEIA MAIS

Estão abertas inscrições para treinamento sobre Apreciação de Risco em Máquinas da Schmersal

22 de outubro de 2018

Multinacional alemã líder mundial em sistemas de segurança para máquinas industriais, a Schmersal divulga o inicio das inscrições para o…

LEIA MAIS