NOTÍCIAS

Produção de níquel da Anglo American no Brasil aumenta 97%

20 de abril de 2012

rnA Anglo American, uma das maiores mineradoras do mundo, acaba de anunciar os resultados do primeiro trimestre. A empresa aumentou em 97% a  sua produção de níquel contido em ferroníquel no Brasil, passando

rn

A Anglo American, uma das maiores mineradoras do mundo, acaba de anunciar os resultados do primeiro trimestre. A empresa aumentou em 97% a  sua produção de níquel contido em ferroníquel no Brasil, passando de 6.100 toneladas no primeiro trimestre do ano passado para 12.000 toneladas no primeiro trimestre de 2012. Em comparação com o último trimestre de 2011, período em que a produção foi de 9.900 toneladas, o crescimento foi de 21%. Esses dados são atribuídos principalmente à contribuição da Operação Barro Alto, em Goiás, que teve a sua primeira corrida de metal em março de 2011 e continua em processo de ramp up. A planta industrial operou em 70% da sua capacidade durante o primeiro trimestre deste ano. 

rn

 Os três projetos estratégicos da Anglo American entregues em 2011, Barro Alto, Kolomela e Los Bronces, estão seguindo normalmente com seus ramp ups, atingindo de 74% a 86% de sua capacidade total durante o trimestre. 

rn

 Em sua divisão de Exploração e Novos Negócios, a Anglo American plc. investiu US$ 140 milhões nos três primeiros meses deste ano, um aumento de 30% em relação ao mesmo período de 2011. Esse crescimento é atribuído às pesquisas de exploração de níquel, cobre e polimetálicos. 

rn

 A Anglo American é uma das maiores companhias de mineração do mundo, com sede no Reino Unido e ações negociadas nas bolsas de Londres e Johanesburgo. Seu portfólio de negócios abrange commodities de alto volume – minério de ferro e manganês; carvão metalúrgico e carvão mineral; metais básicos – cobre e níquel; e metais e minerais preciosos – nos quais é líder global em platina e em diamantes. 

rn

 A empresa atua no Brasil desde 1973 e hoje está presente no País com quatro commodities: Minério de Ferro, com o Minas-Rio, o maior projeto  de exploração de minério de ferro em desenvolvimento no mundo; Níquel, com operações nos municípios de Barro Alto e Niquelândia, em Goiás; Fosfato (Copebrás), com as operações nos municípios de Ouvidor (GO), Catalão (GO) e Cubatão (SP), e Nióbio, presente nos municípios de Catalão e Ouvidor, em Goiás. 

rn

 

Fonte: Último Instante

Compartilhe:

LEIA TAMBÉM



Royalty: mineradoras recolhem mais CFEM em 2018

5 de abril de 2018

A arrecadação da Compensação Financeira pela Exploração de Recursos Minerais (CFEM), considerada o royalty da mineração, totalizou R$ 211 milhões no mês…

LEIA MAIS

Abertas inscrições do Programa Aprendiz da AngloGold Ashanti em Nova Lima (MG)

8 de agosto de 2019

São 60 vagas, das quais 20 exclusivas para pessoas com deficiência (PCD). Os cursos disponíveis são de operador de mina…

LEIA MAIS

Brasil inaugura 1º hub de inovação para a indústria mineral

21 de janeiro de 2019

Inovação na prática, ao vivo, voltada exclusivamente para a indústria da mineração. É o que os participantes do Hub da…

LEIA MAIS